segunda-feira, 4 de julho de 2011





EFEMÉRIDEGina Lollobrigida, de seu verdadeiro nome Luigina Lollobrigida, actriz de cinema italiana, nasceu em Subiaco, no dia 4 de Julho de 1927.


Filha de um fabricante de móveis, mudou-se para Roma a fim de estudar na Academia de Belas Artes. Para se sustentar, posava como modelo e participou no Concurso de Miss Itália 1947, classificando-se em terceiro lugar (antes tinha sido 2ª no Concurso Miss Roma). Iniciou por essa época (1947/1951) a sua carreira cinematográfica, fazendo pequenas figurações em filmes populares do pós-guerra.


Em 1949 casou-se com o médico eslavo Milko Skofic, que abandonou a carreira para se tornar seu empresário.


No início da década de 1950 realizou os seus primeiros papéis de sucesso, como “Campane a martello” em 1949, “Achtung Banditi” em 1951, actuando ao lado do então jovem Marcello Mastroianni, e “Fanfan la Tulipe” em 1952, que a consagrou também em França. No mesmo ano foi dirigida por René Char em “Les Belles de Nuit” e, no ano seguinte, por Luigi Comencini em “Pão, Amor e Fantasia”. Entrou em muitos filmes, tanto em Itália como em França e nos Estados Unidos.


Padrão de beleza dos anos 1950, Lollo - como era conhecida - interpretava papéis sensuais, que lhe renderam a alcunha de “A mulher mais bela do mundo”. Actuou ao lado de grandes actores, como Humphrey Bogart, Burt Lancaster, Bob Hope, Tony Curtis, Vittorio Gassman, Anthony Quinn, Rock Hudson, Frank Sinatra, Steve McQueen, Alec Guiness, Yves Montand, Jean-Paul Belmondo, Sean Connery, Yul Brynner, Tyrone Power, Daniel Gélin, Pierre Brasseur e Jean-Louis Trintignant.


Começou os anos 1960 a filmar em Hollywood, recebeu o Globo de Ouro em 1961 e voltou à Europa em 1962. Divorciou-se em 1968 e, perdendo assim o seu empresário, meteu um travão na sua carreira que já vinha a declinar.


Lançou-se numa nova paixão – a fotografia, deixando de fazer cinema em 1973. Em 1984 e 1985 protagoniza vários episódios das séries televisivas “Falcon Crest” e “Empresta-me a tua vida”. Em 1986 foi presidente do júri do Festival Internacional do Filme de Berlim.


Em 1995 recebeu das mãos do presidente Mitterrand a Legião de Honra Francesa. Voltou episodicamente ao cinema. Em 1996 fez “Una donna in fuga” e XXL”, contracenando neste último filme com Gérard Depardieu.


Em 1999 foi nomeada Embaixadora da Boa Vontade para a Alimentação e a Agricultura (FAO).


Em 2006, anunciou na televisão italiana a sua intenção de se casar com o espanhol Javier Rigau y Rafols, um empresário do imobiliário que conheceu em Monte Carlo em 1984 e com quem viveria em comum desde aí. A diferença de idade entre ambos é de 34 anos. Continua a dedicar-se à fotografia e também à escultura.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...