sábado, 20 de agosto de 2011



EFEMÉRIDE José Wilker de Almeida, actor e realizador brasileiro, nasceu em Juazeiro do Norte no dia 20 de Agosto de 1947.


Começou a sua carreira como locutor de rádio no Ceará, onde nasceu, tendo-se mudado depois para o Rio de Janeiro.


O primeiro filme em que entrou foi “A falecida” (1965). Estreou-se nas telenovelas em 1973 com “Bandeira 2” na TV Globo. Teve enorme sucesso na novela “Roque Santeiro” em que deu vida ao principal intérprete, ao lado de Regina Duarte. Entre 1997 e 2002, dirigiu boa parte dos episódios de “Sai de Baixo”, além de ter participado num deles.


Entre os seus papéis mais marcantes no cinema estão Tiradentes, no filme “Os Inconfidentes” (1972); Vadinho em “Dona Flor e Seus Dois Maridos” (1976); o político Tenório Cavalcanti na película “O Homem da Capa Preta” (1986) e António Conselheiro em “Guerra de Canudos” (1997). Na mini-série “JK”, interpretou Juscelino Kubitschek, ex Presidente da República Brasileira.


Amante do cinema, também como espectador, é detentor de cerca de quatro mil filmes. Mostrou ao público esta sua faceta, com uma coluna semanal no “Jornal do Brasil” e fazendo comentários sobre cinema em canais de televisão por assinatura. É também comentarista oficial na Rede Globo das transmissões das cerimónias de entrega dos Oscars.


Wilker é descendente de holandeses e portugueses. O seu primeiro casamento foi com a psicóloga Elza Maria Barros da Rocha Pinto. De todas as relações que manteve, esta foi a mais longa, tendo durado doze anos.


Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...