sábado, 7 de maio de 2016

7 DE MAIO - ANGELA CARTER

EFEMÉRIDEAngela Carter, de seu verdadeiro nome Angela Olive Stalker, jornalista e escritora inglesa, nasceu em Eastbourne no dia 7 de Maio de 1940. Morreu em Londres, em 16 de Fevereiro de 1992.
Para evitar os bombardeamentos alemães sobre a sua cidade natal, durante a Segunda Guerra Mundial, foi viver com a avó materna em Yorkshire. Durante a adolescência, sofreu de anorexia. O seu primeiro trabalho jornalístico foi publicado no “Croydon Advertiser”, seguindo as pisadas do pai que era também jornalista.
Licenciou-se em Literatura Inglesa na Universidade de Bristol. Autora de romances, poesias, contos infantis, livros de ficção científica, ensaios e crónicas de viagens, colaborou ainda nos guiões dos filmes “Na companhia dos lobos” (1984), inspirado na sua obra “O quarto do Barba Azul”, e “The magic toyshop”, adaptação da sua obra homónima (1987).
O seu interesse simultâneo pelo feminismo e pela literatura levou-a a reescrever, sob o ponto de vista feminino, textos de autores como o Marquês de Sade e Charles Baudelaire, entre outros. Na opinião de vários dos seus contemporâneos, Angela não era no entanto sectária, cultivando amizades nos mais variados sectores.
Angela Carter não se enquadrava nos convencionalismos culturais dos países de língua inglesa e procurou sempre descobrir outras culturas e idiomas. Era fluente em francês e alemão e morou durante dois anos em Tóquio. Esteve ainda noutros países asiáticos, nos Estados Unidos e em vários países europeus.
Em 1967, recebeu o Prémio John Llewellyn Rhys, com “The magic toyshop”; no ano seguinte, “Several perceptions” rendeu-lhe o Somerset Maugham Award; em 1979, “O quarto do Barba Azul” ganhou o Prémio Cheltenham Festival of Literature; e “Noites no circo” foi premiado com o James Tait Black Memorial em 1985.
Casou-se duas vezes, em 1969 e em 1977. Nos anos 1970 e 1980 foi escritora residente em várias universidades.
Colaborou regularmente nos periódicos “The Guardian”, “The Independent” e “New Statesman”. Adaptou para a rádio várias das suas novelas. Morreu aos 51 anos, vítima de cancro num pulmão.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...