sábado, 8 de agosto de 2015

8 DE AGOSTO - ARMINDO JOSÉ RODRIGUES

EFEMÉRIDEArmindo José Rodrigues, médico, tradutor e poeta português, morreu em Lisboa no dia 8 de Agosto de 1993. Nascera igualmente na capital portuguesa em 1904. Grande parte da sua infância foi passada no Alentejo.
Licenciou-se em Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa. E considerado um escritor do movimento neo-realista português. Colaborou em diversas jornais e revistas como a “Colóquio-Letras” (da Fundação Calouste Gulbenkian), a “Seara Nova”, a “Vértice”, “O Diabo” e “Notícias do Bloqueio”.
Tendo vivido durante os anos da ditadura salazarista e sendo as suas ideias contrárias ao regime, foi preso por diversas vezes. Na sua luta contra o fascismo, pertenceu a diversas organizações clandestinas. Participou nas campanhas eleitorais de Arlindo Vicente, Norton de Matos e Humberto Delgado, nos anos de 1945, 1949 e 1958, respectivamente. Fez parte do Movimento de Unidade Democrática (MUD).
Foi um dos fundadores do PEN Club Português, juntamente com outros escritores de nomeada. Traduziu obras de André Malraux, Mikhail Cholokov e Oscar Wilde, entre outros.
José Saramago organizou, em 1979, uma antologia da obra do poeta, intitulada “O Poeta Perguntador”. Em 2004, no Museu do Neo-Realismo, foi comemorado o centenário do seu nascimento. Na Sociedade Portuguesa de Autores, foi também organizada – na sala Carlos Paredes – uma exposição sobre a sua vida e obra. Maria Barroso, no livro “Os poemas da minha vida”, incluiu alguns poemas de Armindo Rodrigues.
O escritor José Cardoso Pires pôde publicar a sua primeira obra (“Os Caminheiros e Outros Contos”) porque Mário Dionísio, Alves Redol, Alexandre O'Neill e Armindo Rodrigues custearam as despesas da edição. O livro “Memórias da Resistência. Literatura da Resistência ao Estado Novo”, de António Ventura, contem textos de Armindo José Rodrigues, um poeta quase desconhecido das gerações mais novas e que merecia maior divulgação.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...