quinta-feira, 20 de outubro de 2016

20 DE OUTUBRO - DANNY BOYLE

EFEMÉRIDEDanny Boyle, realizador e produtor britânico, nasceu em Radcliffe no dia 20 de Outubro de 1956. Conquistou um Oscar, um BAFTA e um Globo de Ouro, com o filme “Slumdog Millionaire”.
Oriundo de uma família irlandesa de operários católicos, estudou no Thornleigh Salesian College, em Bolton. Iniciou-se no teatro, na Join Stock Theatre Company, onde esteve até 1982. Foi em seguida director-adjunto da Royal Court Theatre Company (1985).
Em 1987, dirigiu vários telefilmes. Nos anos 1990, realizou diversos episódios de séries para a televisão inglesa. Durante as filmagens de uma delas, para a BBC World, conheceu o cenarista John Hodge.
Decidiu produzir o seu primeiro filme, na companhia de John Hodge e de Andrew MacDonald. Esta longa-metragem, intitulada “Pequenos assassínios entre amigos”, foi estreada em 1994, sendo aclamada pela crítica. O filme acabou por ser o começo de uma trilogia, “Bag of Money Trilogy”, que descreve a forma como dinheiro pode conduzir os homens a destruírem-se entre si.
Em 1996, prosseguem com o drama “Trainspotting”, que obtém um enorme sucesso comercial (70 milhões de dólares), depois de ser apresentado no Festival de Cannes. Concluem a trilogia em Hollywood, com “Uma vida menos ordinária”.
Danny filmou seguidamente algumas curtas-metragens e produziu uma película com Leonardo DiCaprio.
Em 2001, voltou ao seu país para investir num novo género de filme: “28 dias mais tarde”, um thriller que conta a história de uma pandemia que põe toda a Inglaterra de quarentena. O filme tem grande sucesso junto do público e da crítica. Realiza depois, em 2002, “Millions” – uma comédia dramática, representada sobretudo por crianças.
Em Abril de 2007, lançou-se num projecto mais ambicioso, realizando o seu primeiro filme de ficção científica – “Sunshine”, que relata o périplo de uma equipa internacional de astronautas. A película foi apreciada pela crítica, mas não constituiu um êxito comercial.
No fim de 2008, é estreado “Slumdog Millionaire”, filme de aventuras espectaculares e emotivas, protagonizado por jovens actores indianos quase desconhecidos. Na realização, Boyle foi coadjuvado pela realizadora indiana Loveleen Tandan. Este arriscado projecto teve grande sucesso a nível mundial e foi recompensado com oito Oscars, entre os quais o de Melhor Realizador e de Melhor Filme. Dada a sua notoriedade, convidaram Boyle para presidir ao júri do 12º Festival Internacional de Xangai.
Em 2011, fez “127 Hours”, que foi nomeado para diversos prémios, incluindo os Oscars de Melhor Filme, de Melhor Actor e de Melhor Guião Adaptado.
No ano seguinte, recebeu mais uma consagração, ao ser escolhido para organizar a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres. Foi um espectáculo audacioso, onde ele conseguiu mesclar a grandiosidade, o humor e a solenidade.
Em 2014, foi-lhe proposto um novo projecto ambicioso – um filme biográfico de Steve Jobs, o fundador da Apple. O filme “Steve Jobs” foi estreado nos Estados Unidos em Outubro de 2015 e na Europa a partir de 2016.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...