segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012




EFEMÉRIDEJosé Veiga Simão, professor de Física e político português, nasceu na Guarda em 13 de Fevereiro de 1929.


Licenciou-se em Ciências Físico-Químicas na Universidade de Coimbra em 1951, tendo-se doutorado em Física Nuclear na Universidade de Cambridge em 1957. Professor catedrático da Universidade de Coimbra a partir de 1961, foi nomeado em 1963 reitor da Universidade de Lourenço Marques, que foi praticamente uma criação sua. Regressou a Portugal em 1970, para assumir o cargo de ministro da Educação Nacional, que abandonaria com a Revolução dos Cravos. Durante aquele período, afirmara-se como defensor da democratização do ensino e foi responsável pela criação da Universidade de Aveiro em 1973. Foi embaixador de Portugal nas Nações Unidas entre 1974 e 1975, ano em que se estabeleceu nos Estados Unidos. Foi “visiting fellow” da Universidade de Yale, consultor do National Assessment and Dissemination Center e dirigiu a Portuguese Heritage Foundation.


Quando regressou a Portugal, foi presidente do Laboratório Nacional de Engenharia e Tecnologia Industrial de 1978 a 1983 e contratado como professor catedrático da Universidade da Beira Interior entre 1985 e 1992.


Voltou à vida política em 1983, sendo eleito deputado à Assembleia da República pelo Partido Socialista. Assumiu depois a pasta de ministro da Indústria e Energia no Bloco Central, até 1985. Em Novembro de 1997, António Guterres nomeou-o ministro da Defesa, cargo que desempenhou até 1999.


Veiga Simão é Doutor Honoris Causa pelas seguintes universidades: Universidade de Witwatersrand (Joanesburgo), Universidade Eduardo Mondlane (Maputo), Lesley College (Cambridge/Massachusetts), Universidade de Aveiro, Universidade do Minho, Universidade da Beira Interior e ISCTE-IUL.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...