terça-feira, 1 de setembro de 2015

1 DE SETEMBRO - DULCE DE ARAGÃO

EFEMÉRIDE Dulce de Aragão, infanta aragonesa e a segunda rainha consorte de Portugal, morreu em Coimbra no dia 1 de Setembro de 1198. Nascera em 1160.
Era filha do conde Raimundo Berengário IV e da rainha Petronila de Aragão. Os seus esponsais com o infante Sancho, que subiu ao trono em 1185 como Sancho I, filho do primeiro rei de Portugal, realizaram-se quando ela tinha cerca de onze anos de idade. O casamento teve lugar mais tarde, em 1174. Pouco se sabe sobre a sua vida antes da chegada ao reino de Portugal.
Segundo o historiador Luciano Cordeiro, «Dulce era formosa e excelente senhora, tranquila e modesta, condizente no carácter com o seu nome». A infanta foi usada como moeda de troca para selar uma aliança, que serviu para fortalecer o novo reino de Portugal e «constituiu uma boa defesa contra a tendência expansionista do reino de Castela». 
Dulce de Aragão cumpriu o papel que se esperava dela, como esposa e mãe de uma vasta prole. Não sobreviveu muito tempo, porém, depois do nascimento do último dos seus onze filhos. Faleceu, provavelmente por causas ligadas à peste, mas enfraquecida também pelos partos sucessivos. Foi sepultada no Mosteiro de Santa Cruz.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...