quinta-feira, 11 de maio de 2017

11 DE MAIO - PEDRO DA SILVA MARTINS

EFEMÉRIDEPedro da Silva Martins, compositor, letrista e guitarrista português, nasceu em Lisboa no dia 11 de Maio de 1976. Tornou-se muito popular através do grupo Deolinda e pela autoria de canções para outros artistas e interpretes como Mariza, Ana Moura, António Zambujo, Cristina Branco, Hélder Moutinho, Melech Mechaya, Anabela, Marafona e Rita Redshoes.
Foi autor de vários textos e argumentos para a televisão portuguesa. Como músico, foi membro fundador do grupo Bicho de 7 cabeças, onde se destacou como letrista.
O grupo Deolinda surgiu em 2006, a partir de quatro canções que ele compôs. É autor de todas as músicas e letras do grupo. Alguns dos principais sucessos musicais da banda são: “Movimento Perpétuo Associativo”, “Fon Fon Fon”, “Fado Toninho”, “Clandestino”, “Mal por Mal”, “Um Contra o Outro” e “Passou por Mim e Sorriu”. É ainda autor da letra e da música “Parva que Sou”, que rapidamente se tornou quase um hino da juventude.
Venceu o prémio Melhor Canção do Ano de 2012, com o tema “Desfado”, escrito para o disco homónimo de Ana Moura, atribuído pela Sociedade Portuguesa de Autores. A mesma canção ganhou, em Maio de 2013, o Globo de Ouro para Melhor Canção.
Em 2014, o álbum “Desfado” recebeu o Prémio Amália para Melhor Disco, com a seguinte menção: «O júri decidiu atribuir o prémio a este álbum pelo que ele encerra de qualidade poética, musical e interpretativa. Mas, sobretudo, brindar a originalidade do tema que lhe dá título e que em nada belisca a tradição, na inovação para a evolução».
Em Outubro de 2014, a convite do ilustrador João Fazenda, estreou-se na escrita para teatro com a peça infantil “Retrato Falado”, que esteve em cena no Teatro Maria Matos. Em Novembro, foi uma das 30 figuras da música portuguesa escolhidas para a edição especial dos 30 anos da revista “Blitz”.
Em Julho de 2015, editou o livro infantil “Porque Chora o Rei?”, do qual é co-autor com Leonor Tenreiro. O livro tem ilustrações de João Fazenda.
Em 2016, o álbum “Mundo” de Mariza, que inclui o tema “Saudade Solta”, foi nomeado para os Grammy Latinos, na categoria de Melhor Álbum Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa. Em Março de 2016, tinha seis álbuns e 23 canções no top 30 nacional de vendas. Em Dezembro, foi um dos 16 autores convidados pela RTP para compor um tema para o Festival da Canção 2017.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...