sexta-feira, 20 de março de 2015

20 DE MARÇO - GALVÃO DE MELO

EFEMÉRIDE – Carlos Galvão de Melo, militar e político português, morreu em Alcabideche no dia 20 de Março de 2008. Nascera na Figueira da Foz em 4 de Agosto de 1921. Fez os estudos em Lisboa, no Liceu Camões, na Universidade de Lisboa e na Escola do Exército, curso que concluiu em 1943.
Em Outubro de 1953, foi feito Cavaleiro da Ordem Militar de Avis e, em Agosto de 1964, foi elevado a Oficial da mesma Ordem.
Em 1974, após a Revolução dos Cravos, integrou a Junta de Salvação Nacional, sendo duramente contestado pela esquerda e depois excluído, na sequência do 28 de Setembro do mesmo ano (manifestação da maioria silenciosa).
Galvão de Melo foi candidato independente nas Eleições Presidenciais de 1980, após ter sido deputado pelo CDS na Assembleia Constituinte.
Foi presidente da Associação de Amizade Portugal-Indonésia e da Associação Portugal-Iraque. Recebeu a Grã-Cruz com Estrela da Ordem do Mérito da Alemanha Ocidental em Maio de 1989.
Após o 25 de Abril, publicou vários livros, entre os quais: “MFA, movimento revolucionário” (1975), “Rumo à Dignidade” (1975), “Coragem de Lutar” (1976), “Tradição e Destino” (1979) e “Um Militar na Política” (2001). Foi casado por duas vezes, tendo seis filhos da sua primeira esposa. 

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...