sexta-feira, 20 de janeiro de 2012




EFEMÉRIDEArmando Emílio Guebuza, político moçambicano, actual Presidente da República, nasceu em Murrupula, na província de Nampula, em 20 de Janeiro de 1943.


Juntou-se à FRELIMO em 1963, na então cidade de Lourenço Marques, hoje Maputo, pouco após o início da Guerra da Independência de Moçambique. Depois de ter participado na guerrilha, deixou Moçambique em 1964 para estudar numa escola especial na Ucrânia.


No Governo de Transição (1974-1975), Guebuza ocupou a pasta da Administração Interna e, no primeiro Governo de Moçambique independente, a de Ministro do Interior. Durante os anos 1980 foi responsável pelo programa “Operação Produção”, que visava deslocar os desempregados das áreas urbanas para as áreas rurais no norte do país. Após a morte de Samora Machel, num acidente de aviação na África do Sul, fez parte da comissão que investigou o acidente. Em 1992, foi nomeado chefe da delegação do governo, na Comissão de Supervisão e Implementação do Acordo Geral de Paz para Moçambique.


Após o abandono das políticas económicas socialistas pelo presidente Joaquim Chissano, que incluiu a privatização de empresas estatais, Guebuza tornou-se um empresário de sucesso.


Em 2002 foi eleito secretário-geral da FRELIMO, cargo que o tornou candidato às eleições presidenciais de 2004, que venceu com 64% dos votos. Em Outubro de 2009, foi reeleito para um novo mandato, obtendo 75% dos votos.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...