terça-feira, 28 de junho de 2011

EFEMÉRIDEJuan José Saer, escritor argentino, nasceu em Serodino, na província de Santa Fé, em 28 de Junho de 1937. Morreu em Paris no dia 11 de Junho de 2005, vítima de cancro nos pulmões.
Praticou diferentes géneros literários, mas foi sobretudo no campo da narração e do romance que o seu talento foi mais reconhecido. Quase todas as suas narrativas têm por cenário a cidade de Santa Fé e os seus arredores, onde viveu até se exilar voluntariamente em França. Os personagens também se repetem, contribuindo para a unidade da sua obra. É considerado um dos escritores argentinos mais importantes e influentes do século XX.
Ensinou História do Cinema e Crítica e Estética Cinematográfica na Universidade do Litoral em Santa Fé.
Ignorado durante grande parte da sua vida criadora, a obra de Saer só obteve o reconhecimento da crítica especializada a partir dos anos 1980, tanto na Argentina como na Europa. Publicou também um livro de poesia e vários ensaios.
Instalou-se em Paris desde 1968 e foi professor na Universidade de Rennes. Ganhou o Prémio Nadal em 1987, com o romance “La ocasión”. O seu livro “El concepto de ficción”, publicado em 1997, reuniu diversos textos escritos no decorrer de mais de trinta anos de carreira literária (1965 a 1996).

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...