sábado, 20 de outubro de 2012

EFEMÉRIDEDmitri Anatolyevich Alenichev, ex-futebolista e político russo, nasceu em Veleie Luki no dia 20 de Outubro de 1972.
Começou a jogar profissionalmente em 1989 no SKIF-Velikiye Luki, clube da sua cidade natal. Passou depois pelo Mashinostroitel Pskov (1990/1991) e pelo Lokomotiv de Moscovo (1992/1994), até chegar ao Spartak de Moscovo em 1995. Em 1998, foi jogar no AS Roma. Sem perspectivas neste clube, acabou por ser emprestado ao Perugia (1999/2000), mas a sua passagem nesta equipa também não foi bem sucedida, voltando para o AS Roma.
Ingressou no FC Porto em 2000, onde conquistou o mais importante título da sua carreira, a Liga dos Campeões Europeus.
Durante a disputa do Euro 2004, Alenichev manifestou o desejo de voltar ao Spartak e o FC Porto aceitou a proposta.
Em Abril de 2006, Alenichev concedeu uma entrevista ao jornal desportivo “Sport Express”, em que fez duras críticas ao treinador Aleksandrs Starkovs que comandava o Spartak interinamente. Foi o golpe fatal para ele: multado e retirado da equipa titular, foi posto na lista de transferências e, em Setembro, rescindiu o seu contrato por mútuo acordo. A rescisão marcou o fim da sua carreira como jogador de futebol.
Afastado dos estádios, decidiu dar um novo rumo à sua vida. Não quis ser treinador nem dirigente desportivo, acabando por entrar na política, ao aderir ao Yedinaya Rossiya, partido liderado por Vladimir Putin. Dmitri seria depois eleito para o Conselho Federativo da Rússia, uma das divisões da Assembleia Federal Russa.
Voltou entretanto a disputar uma partida de futebol na Legends Cup de 2009, competição que reuniu ex-atletas com mais de 35 anos, marcando mesmo doze golos contra a Selecção Espanhola de veteranos.
Alenichev estreou-se na Selecção Russa em 1996, mas não chegou a disputar os Europeus daquele ano. Esteve nos Mundiais de 2002 e nos Europeus de 2004. Foi internacional 55 vezes (1996/2005).
Do seu palmarés fazem parte: os títulos russos de 1994/1996/1997/1998 e as Taças da Rússia de 1994/1998 em representação do Spartak de Moscovo; os Campeonatos de Portugal de 2002/2003 e 2003/2004, as Taças de Portugal de 2000/2001 e 2002/2003, as Super Taças de Portugal de 2001/2002 e 2003/2004, a Taça UEFA 2002/2003 e a Liga dos Campeões Europeus 2003/2004 em representação do FC Porto. Em 1997, foi considerado o Melhor Jogador da Rússia pelo semanário “Football” e pelo jornal “Sport Express”.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...