domingo, 7 de dezembro de 2014

7 DE DEZEMBRO - WILLA CATHER

EFEMÉRIDE – Wilella (Willa) Silbert Cather, romancista norte-americana, nasceu em Winchester, Virgínia, no dia 7 de Dezembro de 1873. Morreu em Nova Iorque, em 24 de Abril de 1947.
Willa Cather, uma aluna dotada que sonhou ser médica, acabou por se dedicar à vida literária após ter escrito um ensaio sobre Thomas Carlyle, que foi publicado com grande sucesso no “Nebraska State Journal”, periódico em que passou a colaborar regularmente. Licenciou-se em Literatura Inglesa na Universidade do Nebraska, estado onde cresceu. Foi depois morar e trabalhar em Pittsburgh durante dez anos. Aos 33 anos, mudou-se para Nova Iorque, onde passou o resto da vida.
Willa alcançou grande notoriedade com os seus romances sobre a vida nas grandes planícies, durante a conquista do oeste (“O Pioneers!”, “My Antonia” e “The Song of the Lark”). Em 1923, foi premiada com o Prémio Pulitzer com “One of Ours”, um romance cuja acção se passa durante a Primeira Guerra Mundial.
Tornou-se uma escritora célebre, admirada pelo público, pela crítica e por outros escritores, nomeadamente William Faulkner, Sinclair Lewis e Henry Louis Mencken. Faulkner dizia que ela era um dos quatro grandes escritores do século e Sinclair Lewis afirmou mesmo que ela merecia, mais do que ele, o Prémio Nobel que recebera em 1930. 
Numa época em que o sexismo e a homofobia eram normas sociais raramente postas em causa, Willa Cather vestia-se como homem, de cabelo cortado curto, contrariando os costumes vigentes. Dividiu o seu quarto, durante cinco anos, com uma outra jovem, mas sem nunca ter assumido abertamente o seu homossexualismo.
O nome de Willa Cather está inscrito no National Women's Hall of Fame. A cratera Cather, no planeta Vénus, foi assim baptizada em sua homenagem. 

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...