quarta-feira, 7 de dezembro de 2011



«A razão do sentimento
brilha mais dentro de nós
se o fulgor do pensamento
levar longe o sonho, a voz

Jorge Marques

MANHÃ RESSUSCITADA

1
Defender a Liberdade
Que custou a conquistar
E que deve perdurar.
Tendo por lema a verdade,
Desde a mais jovem idade,
Fiz a mim o juramento
De ter sempre o alento
De explicar a toda a gente,
Do modo mais veemente,
A razão do sentimento.

2
Décadas de ditadura:
- Desde o adulto à criança,
Só pessoas sem esperança,
Mortas de fome e secura
Após vida de amargura.
Sofreram de modo atroz,
Filhos, netos e avós
Que guardamos na memória.
Agora a nossa História
Brilha mais dentro de nós.

3
Liberdade conquistada,
A altivez renascida,
A alma sem ser sofrida,
Maldade em debandada,
Mãos à obra, camarada!
Já não falta alimento,
Acabou o desalento,
Não sei que admirar:
- Se o futuro p’ra sonhar
Se o fulgor do pensamento.

4
Tão longe a manhã de Abril
Mas a força é redobrada!
Tanta coisa conquistada,
Não voltamos ao redil,
Agora há muitos mil!
É mais forte do que nós
E já não estamos sós,
Somos milhões a sonhar,
A lutar e a tentar
Levar longe o sonho, a voz.


Gabriel de Sousa

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...