sábado, 31 de dezembro de 2011





EFEMÉRIDE Sandro Milton Vieira Angélico, conhecido como Angélico Vieira, cantor e actor português, nasceu em Lisboa no dia 31 de Dezembro de 1982. Morreu no Porto em 28 de Junho de 2011.


Com 21 anos, trabalhou como modelo para a agência DXL Models. Frequentava o 3º ano de Gestão de Empresas, quando surgiu a oportunidade de entrar para a série televisiva “Morangos com Açúcar”. Foi esta série a sua rampa de lançamento para a banda D'ZRT, da qual fez parte.


Depois de três anos de actividade, os quatro elementos da banda decidiram que «era o momento de terminar com o grupo» e assim aconteceu. Cada um seguiu o seu caminho. Em 2008, após deixar os D'ZRT, Angélico teria treinado Kung Fu durante seis meses no templo de Shaolin, na China. Continuou entretanto ligado à música e lançou o seu primeiro álbum a solo, com o título “Angélico”, em Setembro de 2008. No mesmo dia do lançamento, o disco foi anunciado como “Disco de Ouro”.


Angélico Vieira faleceu na sequência de um acidente de viação na madrugada de 25 de Junho de 2011, ocorrido na auto-estrada A1, sentido norte-sul, perto de Estarreja, pelas 3h15. Angélico conduzia um BMW 635 emprestado por um stand. A bordo seguiam mais três pessoas. Uma foi projectada no momento da colisão, tendo tido morte imediata e sendo ainda atropelada por um veículo que circulava na retaguarda. Uma menor de 17 anos foi transportada para o hospital em estado muito grave. Um quarto ocupante sofreu apenas ferimentos ligeiros. Angélico deu entrada no Hospital de Santo António, no Porto, com um traumatismo crânio/encefálico muito grave. O óbito foi declarado na noite de 28 de Junho.


Segundo o relatório da investigação da GNR, divulgado em 2 de Julho, a causa principal para o acidente foi o excesso de velocidade, pois o actor seguia a 253km/h. O mesmo relatório negou a existência de qualquer rebentamento de pneu, ao contrário do que foi inicialmente indicado por um dos ocupantes. Dois deles, o que foi projectado e a menor em estado muito grave, não usavam cinto de segurança.


Angélico tinha publicado em 2011 um segundo álbum (“Acredito”). Além da série “Morangos com Açúcar”, entrara em “Dance Dance Dance”, “Doce Fugitiva”, “Feitiço de Amor” e “Espírito Indomável”. Fez também a dobragem de um personagem de “A Princesa e o Sapo”.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...