segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

26 DE DEZEMBRO - SYLVA KOSCINA

EFEMÉRIDESylva Koscina, de seu nome original Silva Košćina, actriz italiana, morreu em Roma no dia 26 de Dezembro de 1994. Nascera em Zagreb, na antiga Jugoslávia, hoje Croácia, em 22 de Agosto de 1933.
Filha de pai grego e de mãe polaca, a família emigrou para Itália, quando ela era ainda muito jovem. Mais tarde, enquanto seguia o curso de Ciências na Universidade de Nápoles, iniciou a sua carreira cinematográfica, ao lado de Totò, em “Siamo uomini o caporali?” (1955). O seu primeiro papel importante chegou, no mesmo ano, com “Il ferroviere ”.  
Numa época em que Marilyn Monroe pontificava em Hollywood, Sylva Koscina foi a resposta do cinema italiano, protagonizando muitas películas dos anos 1950/60 e contracenando com actores como Alberto Sordi, Nino Manfredi e Ugo Tognazzi.
Bela e espirituosa, era contratada por vários realizadores (em 1958, actuou em onze filmes e, em 1962, em oito), recebendo salários que lhe permitiram lançar-se na construção e decoração de uma casa luxuosa no bairro Marino em Roma. As despesas de manutenção da mesma levaram-na, porém, a vendê-la em 1976. 
Trabalhou também fora de Itália. Em Hollywood, contracenou com Paul Newman e Kirk Douglas. Em França, trabalhou ao lado de Fernandel, Jean Marais, Lino Ventura e Belmondo.
Protagonizou também, em Itália, “Os trabalhos de Hércules” e “Hércules e a Rainha Lydie”, ao lado de Steve Reeves, aparecendo igualmente em spots publicitários.
Faleceu vítima de doença oncológica, sendo sepultada no cemitério Flaminio. A sua carreira havia durado 38 anos e inscrevera oi seu nome em 108 películas.  

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...