quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

28 DE JANEIRO - FELICE ROMANI

EFEMÉRIDE – Giuseppe Felice Romani, escritor, erudito de literatura e mitologia, e crítico literário italiano, morreu em Moneglia no dia 28 de Janeiro de 1865. Nascera em Génova, em 31 de Janeiro de 1788. Escreveu muitos librettos para óperas de Donizetti e Bellini, entre outros músicos.
Nascido numa família burguesa, foi o primeiro de doze irmãos. Estudou Direito e Literatura em Pisa e Génova. Na Universidade de Génova, fez traduções da literatura francesa. Com um colega, preparou um dicionário de seis volumes sobre Mitologia e História Antiga, incluindo o período celta em Itália. O seu conhecimento do francês e da antiguidade está reflectido em muitos dos librettos que escreveu. A maioria deles é baseada na literatura francesa e outros, como “Norma”, empregam fontes mitológicas.
Depois de não ter conseguido obter um lugar profissional na Universidade, viajou por Espanha, Grécia, Alemanha e França, antes de voltar a Itália em 1812 ou 1813. Em 1814, fixou-se em Milão, onde se tornou amigo de figuras importantes do mundo literário e musical. Recusou o cargo de Poeta da Corte em Viena e iniciou-se como libretista. Romani escreveu dois librettos para o compositor Johann Simon Mayr, que resultaram na sua indicação para libretista contratado do Teatro alla Scala.
Romani tornou-se o mais conceituado de todos os libretistas italianos da sua época, produzindo quase cem librettos. Apesar do seu interesse pela literatura francesa, nunca quis trabalhar em Paris.
Em 1834, tornou-se editor da “Gazzetta Ufficiale Piemontese”, para a qual escrevia críticas literárias. Manteve este cargo até à sua morte, apenas com uma pausa entre 1849 e 1854. Os poemas de Felice Romani só foram publicados em livro, em 1841.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...