quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

9 DE JANEIRO - WILLIAM JAMES HERSCHEL



EFEMÉRIDEWilliam James Herschel, magistrado principal inglês na Índia, reconhecido como o primeiro europeu a perceber a aplicação prática e a importância das impressões digitais, contribuindo assim para a implementação definitiva da papiloscopia, nasceu em Slough no dia 9 de Janeiro de 1833. Morreu em Hawkhurst, em 24 de Outubro de 1917.
A família Herschel era muito conhecida, em virtude de vários dos seus membros serem cientistas, sobretudo astrónomos, e artistas musicais. William foi o primeiro europeu, de que há registo, que recolheu impressões digitais para a identificação de pessoas, especialmente com o objectivo de autenticar contratos e documentos legais.
Visto que havia tido problemas no cumprimento de certos contratos, exigiu – em Julho de 1858 – que Rajyadhar Konai, um homem de negócios de Hooghly, Jungipoor, Bengala Ocidental, colocasse a impressão da sua mão no verso do contrato. A ideia inicial era somente causar impacto no negociante. Isto acabou por resultar, uma vez que o contrato foi cumprido. Diante do resultado positivo, Herschel fez disso um hábito, requerendo sempre a impressão da palma da mão e, posteriormente, apenas a impressão do dedo médio em todos os contratos.
Com o uso continuado desta prática, a colecção de impressões digitais foi crescendo e Herschel começou a notar que, comparando as impressões, podia realmente provar ou contestar a identidade das pessoas. Apesar das suas experiências serem limitadas, ele estava convencido, correctamente, que não existiam duas impressões iguais e que estas se mantinham inalteradas com o decorrer dos anos, o que o inspirou a ampliar o uso.
Em 1877, nos Serviços Administrativos Ingleses, na Índia, recorreu ao uso de impressões digitais para se assegurar que os pensionistas do exército britânico em Hooghly não recebiam as suas pensões por mais de uma vez. No momento dos pagamentos, obrigava os homens a assinarem os recibos e a deixarem as suas impressões digitais nos documentos. O método passou a ser aplicado igualmente na prisão local, para impedir que os condenados pagassem a substitutos para cumprirem as suas penas. A técnica de Herschel foi mais tarde aperfeiçoada pelo cientista Francis Galton e pelo polícia Edward Henry, para a detecção e identificação de criminosos.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...