domingo, 5 de abril de 2015

5 DE ABRIL - CARLOS QUEIRÓS

EFEMÉRIDE – José Carlos de Queirós Nunes Ribeiro, poeta português, nasceu em Lisboa no dia 5 de Abril de 1907. Morreu em Paris, em 27 de Outubro de 1949.
Poeta do segundo modernismo português, foi um dos grandes nomes da revista “Presença”. Desempenhou um importante papel na ligação entre o primeiro modernismo português da geração da revista “Orpheu” e o segundo modernismo da “Presença”. Carlos Queirós foi, por volta de 1927, quem estabeleceu a ligação entre Fernando Pessoa e a revista coimbrã “Presença”, dirigida por Gaspar Simões, José Régio e Branquinho da Fonseca, na qual Pessoa veio a publicar diversos textos. Foi no nº 5 desta revista que Carlos Queirós, juntamente com Fernando Pessoa e Almada Negreiros, iniciou a sua participação literária.
David Mourão-Ferreira, no prefácio do primeiro livro de Carlos Queirós, referiu que ele teria publicado na “Presença” cerca de 50 poemas e dois textos em prosa, sendo um dos nomes de referência e de continuidade desta publicação. Num número especial de homenagem a Fernando Pessoa, deu a conhecer os amores do grande poeta por sua tia Ofélia Queirós, publicando diversas cartas de amor de Pessoa para Ofélia.
Carlos Queirós escreveu igualmente em diversas revistas e suplementos literários, tendo deixado neles uma vasta obra poética dispersa. Colaborou nas seguintes publicações: “Ocidente”, “Atlântico”, “Revista de Portugal”, “Momento”, “Aventura”, “Vamos Ler” e “Litoral”, que foi dirigida por ele próprio. Conhecem-se, ainda, colaborações nas revistas “Contemporânea” (1915/26), “Ilustração” (1926), “Sudoeste” (1935) e “Altura” (1945).
Publicou dois livros em vida, o primeiro intitulado “Desaparecido” (1935), que foi alvo de grandes elogios, tanto do público como da crítica. Tinha então 28 anos de idade. O segundo livro foi “Breve Tratado de Não Versificação”, editado em 1948.
A sua obra poética, pouco divulgada, está actualmente publicada em dois volumes da Editora Ática (1984 e 1989). O segundo destes volumes, “Epístola aos Vindouros e Outros Poemas”, inclui diversas publicações dispersas e alguns inéditos recolhidos por David Mourão-Ferreira, com a ajuda de uma das filhas do poeta.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
- Lisboa, Portugal
Aposentado da Aviação Comercial, gosto de escrever nas horas livres que - agora - são muito mais...